HOME Matérias Aconteceu 5ª edição do Top Seller Event debateu o futuro das vendas do...

5ª edição do Top Seller Event debateu o futuro das vendas do timeshare

76
0
SHARE
Alejandro Marques foi o moderador deste painel que contou com a participação de profissionais muito experientes

Direto de Foz do Iguaçu (PR) – Este painel que terminou agora a pouco foi o último da programação da 5ª edição do Top Seller Event, evento promovido pela RCI — Resort Condominiums International, que termina hoje no Mabu Thermas Grand Resort, em Foz do Iguaçu (PR). Participaram deste painel que teve a moderação foi Alejandro Marques, da TC Brasil Consultoria, Bruna Apolinário, Rio Quente Vacation Club, Juliana Carvalho, Mabu Thermas Grand Resort, Patrick Lima, Grupo GJP e Marco Antônio Vargas, New Time Consultoria.

Marco Antonio Vargas: “Temos que pensar e agir diferente para conquistar espaços”

Ele começou dizendo que o cliente continuará exigente e que a tecnologia será essencial, mas não podemos ficar reféns somente dela para buscar resultados. “Temos que pensar e agir diferente para conquistar espaços. Recentemente fizemos uma ação na festa de peão em Barretos, onde todo mundo falava que era uma praça complicada para se vender, mas tivemos resultados muitos animadores. Em Pirinópolis, Goiás, também é um exemplo que temos que inovar para vender em razão do conservadorismo local. Se for preciso chamar o padre da comunidade para apresentar o produto, é uma novidade, uma inovação, assim como captar clientes pelo facebook. A vezes as mudanças tem de ser feitas, com foco para aumentar o canal de distribuição”, enfatizou Vargas que deixou claro sua posição no vendedor do futuro. “Ler é imprescindível, reciclar seus conhecimentos, participar de workshops de fóruns de discussões no setor e sempre ter boa vontade para aprender cada vez mais. Gratidão e reconhecimento são outros aspectos importantes para o exercício da profissão”, destacou Vargas.

Bruna Apolinário: “O novo cliente continua sendo o mesmo de anos atrás, mas é mais exigente e antenado”

Bruna Apolinário acredita que todas as características do futuro já são atuais, pois eles e conseguem diferenciar um produto do outro, pois possuem informações de mais fácil acesso e eles necessitam vivenciar experiências inovadoras. “O novo cliente continua sendo o mesmo de anos atrás, mas é mais exigente e antenado. Estamos estudando uma nova meta de vendas com células específicas para saber por que o cliente não fechou o contrato no momento da abordagem para que possa ser prospectado numa próxima oportunidade. Outras ações pontuais são realizadas por nós visando inovar e buscar novas ferramentas. A tecnologia é importante, mas não é a receita do sucesso”, avaliou Bruna dizendo que inovação é pegar algo que já existe, mas não em sua área de atuação.

Juliana Carvalho: “Atenção e foco no cliente é fundamental”

Para Juliana Carvalho o futuro é o amanhã, pois sempre no outro dia, começa novamente as pressões por resultados. Atenção e foco no cliente para ela é de fundamental importância agora e no futuro. “No My Mabu estamos reorganizando todos os nossos processos para ver o que está dando certo ou não, para reavaliar nossas futuras ações. Temos que ter processos para adaptar no dia a dia levando em consideração alguns aspectos, como a sustentabilidade”, disse Juliana. Ela mencionou uma ação que o My Mabu fez com óculos de terceira dimensão para que os clientes pudessem visualizar o produto que vão adquirir e os resultados foram muitos bons. “Para mim o profissional do futuro tem de definir o que ele faz como uma verdadeira profissão, ser determinado e dar o melhor de si em busca do que é melhor para a empresa”.

Patrick Lima: “Criar identidade na empresa que trabalha, ser a cara do produto que vende são virtudes essenciais”

Patrick Lima disse que em razão de ser um novato na indústria de tempo compartilhado ainda não tem como relativizar os erros e acertos do passado para fazer um prognóstico no futuro, mas alguns detalhes devem ser mudados. Uma deles é deixar o cliente a vontade para poder escolher a melhor opção e se adequar as necessidades que ele exige. “Inovar e fazer diferente como eu vejo na GJP é a tendência do mercado ou você pensa diferente ou você é mais um no mercado. Criar identidade na empresa que trabalha, ser a cara do produto que vende, ter uma postura ética e profissional no meu ponto de vista fazem a diferença e continuarão a fazer no futuro. Por isto, apostamos muito em vendas focadas, marketing e pós vendas como pilares de crescimento de olho no futuro”, destacou Lima concluindo o painel.

A reportagem da Revista Hotéis viaja a Foz do Iguaçu a convite da RCI para cobrir o Top Seller Events 2017 e se hospeda no Mabu Thermas Grand Resort

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here


CAPTCHA Image
Reload Image